Gaúcha do Norte,22 de Outubro de 2018 - Segunda Feira

Após um mês, cinco detentos que escaparam do Ferrugem continuam foragidos

Segundo matrículas, fugitivos são de alta e média periculosidade

05/08/2016 - 06:00:06


Pouco mais de um mês após a fuga de 11 detentos, cinco ainda continuam foragidos. Oscar Gonçalves, 27 anos, José Luiz de Brum, 25, Júnior dos Santos, 29, Geraldo Florencio, 24, e Lucas da Silva, 22, escaparam no dia 3 de julho e continuam sendo procurados pelas autoridades.

Os fugitivos, conforme consta nas fichas de matrícula, são de alta e média periculosidade. Eles respondem por diversos crimes, entre eles, homicídio, tráfico e associação para o tráfico de drogas, posse irregular de armas de fogo, formação de quadrilha, roubo e corrupção de menores.

A fuga dos detentos continua sob investigação da Unidade Setorial de Correição (Uniscor) da Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh). A corregedoria já abriu uma sindicância para apurar se houve falha dos servidores. Também será apurado as versões dadas pelos seis presos que foram recapturados de que não foi realizada nenhuma revista no local no período de uma semana. Este seria o prazo utilizado pelos detentos para abrir um buraco com cerca de 40 metros da cela 3 do raio laranja até o outro lado do muro do presídio.

Erival Vitorino Machado de 18 anos foi último preso recapturado. Ele foi localizado quando foi a uma audiência que já estava agendada. Segundo informações da Polícia Militar, ele deveria ser ouvido pelo crime de porte ilegal de arma de fogo e posteriormente liberado para responder em liberdade. Esta situação ocorreria se ainda estivesse detido. No entanto, como estava entre os fugitivos, a juíza da 1ª Vara Criminal, Rosângela Zacarkim dos Santos, expediu um mandado de prisão preventiva. A ordem judicial foi cumprida no momento em que ele compareceu ao fórum.

Ederson Alves da Silva foi o quinto fugitivo a ser detido. Ele foi encontrado, em Colíder, a partir de uma denúncia. A Polícia Militar confirmou que ele estava em uma casa, na rua Ipiranga, no centro, e não esboçou reação. Antes, a polícia sinopense pegou Francisco da Silva, 26 anos, e Vilson José de Almeida, 31 anos, no bairro Alto da Glória, a cerca de seis quilômetros do presídio. Eles estavam próximos a uma escola. Um estava no telefone público (orelhão) quando foi abordado. Ambos usavam o uniforme do sistema prisional.

Walisson dos Santos, 22 anos, e Franciones Pereira, 29 anos, foram recapturados horas depois da fuga. Eles estavam nas proximidades do rio Preto, também na região do Alto da Glória. 


Fonte: Só Notícias


Quer receber as notícias do Gaúcha News no seu e-mail? Cadastre-se!